Principal Últimas SC tem 341 mil pessoas que não voltaram para tomar 2ª dose da vacina
SC tem 341 mil pessoas que não voltaram para tomar 2ª dose da vacina

SC tem 341 mil pessoas que não voltaram para tomar 2ª dose da vacina

0
0

Apesar de os números da vacinação estarem avançando, quase 350 mil pessoas não retornaram para tomar a segunda dose da vacina contra a Covid-19 em Santa Catarina. Os números foram divulgados pela SES (Secretaria de Estado da Saúde) à reportagem do ND+ na noite desta quinta-feira (23).

Entre os que não retornaram para tomar a segunda dose estão: 149.150 pessoas que receberam a primeira dose da Astrazeneca, 96.242 da Coronavac e 96.162 da Pfizer.

Vale ressaltar que apenas uma dose da vacina contra a Covid-19 não imuniza completamente. A segunda dose é crucial para evitar a possibilidade de se infectar com o coronavírus. Quanto maior o intervalo entre uma dose e outra, mais tempo o indivíduo ficará exposto ao vírus.

Além do fato preocupante de 341.554 pessoas não terem completado o ciclo vacinal, aproximadamente 100 mil adultos, com 18 anos ou mais, em todo o Estado, sequer tomaram a primeira dose do imunizante.

Segundo levantamento da Dive/SC (Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina) da última segunda-feira (20), 136 municípios catarinenses ainda têm adultos não vacinados.

Há apenas uma das 17 UDVE (Unidades Descentralizadas de Vigilância Epidemiológica) em que todos os municípios cumpriram a vacinação de adultos. Fica na UDVE Tubarão, que contempla os seguintes municípios:

  1. Armazém
  2. Braço do Norte
  3. Capivari de Baixo
  4. Grão Pará
  5. Gravatal
  6. Imaruí
  7. Imbituba
  8. Jaguaruna
  9. Laguna
  10. Pedras Grandes
  11. Pescaria Brava
  12. Rio Fortuna
  13. Sangão
  14. Santa Rosa de Lima
  15. São Ludgero
  16. São Martinho
  17. Treze de Maio
  18. Tubarão

Veja a lista de cidades em que há adultos não vacinados (organizada por Unidades Descentralizadas de Vigilância Epidemiológica):

UDVE ARARANGUÁ: Balneário Arroio do Silva; Balneário Gaivota; Maracajá; Meleiro; Passo de Torres; Praia Grande; Santa Rosa do Sul; São João do Sul; Turvo;

UDVE BLUMENAU: Ascurra; Blumenau; Indaial; Pomerode; Rio dos Cedros; Timbó;

UDVE CHAPECÓ: Águas Frias; Campo Erê; Caxambu do Sul; Chapecó; Guatambú; Iraceminha; Maravilha; Modelo; Palmitos; Pinhalzinho; Saltinho; Santa Terezinha do Progresso; Tigrinhos;

UDVE CONCÓRDIA: Alto Bela Vista; Arabutã; Concórdia; Itá; Peritiba; Piratuba; Seara;

UDVE CRICIÚMA: Cocal do Sul; Criciúma; Forquilhinha; Içara; Lauro Muller; Morro da Fumaça;

UDVE GDE FPOLIS: Águas Mornas; Alfredo Wagner; Biguaçu; Canelinha; Florianópolis; Garopaba; Nova Trento; Palhoça; Paulo Lopes; Rancho Queimado; Santo Amaro da Imperatriz; São Bonifácio; São João Batista; São José; Tijucas;

UDVE ITAJAÍ: Balneário Camboriú; Balneário Piçarras; Bombinhas; Camboriú; Ilhota; Itajaí; Itapema; Luiz Alves; Navegantes; Penha; Porto Belo;

UDVE JARAGUÁ DO SUL: Corupá; Guaramirim; Jaraguá do Sul; Massaranduba; Schroeder;

UDVE JOAÇABA: Abdon Batista; Brunópolis; Capinzal; Catanduvas; Erval Velho; Herval d’Oeste; Jaborá; Joaçaba; Luzerna; Treze Tílias; Vargem; Zortéa;

UDVE JOINVILLE: Araquari; Balneário Barra do Sul; Barra Velha; Itapoá; Joinville;

UDVE LAGES: Anita Garibaldi; Campo Belo do Sul; Lages; Palmeira;

UDVE MAFRA: Canoinhas; Itaiópolis; Mafra; Monte Castelo; Papanduva; Porto União; Rio Negrinho; São Bento do Sul; Três Barras;

UDVE RIO DO SUL: Agrolândia; Aurora; Braço do Trombudo; Dona Emma; Imbuia; Ituporanga; Mirim Doce; Petrolândia; Pouso Redondo; Presidente Getúlio; Taió;

UDVE S.MIGUEL DO OESTE: Anchieta; Bandeirante; Dionísio Cerqueira; Guarujá do Sul; Iporã do Oeste; Itapiranga; Palma Sola; Riqueza; Romelândia; São João do Oeste; São José do Cedro; São Miguel do Oeste;

UDVE VIDEIRA: Caçador; Curitibanos; Fraiburgo; Lebon Régis; Rio das Antas; Santa Cecília; Videira;

UDVE XANXERÊ: Abelardo Luz; Faxinal dos Guedes; Xanxerê; Xaxim.

Recomendações aos municípios

Questionada sobre o que o Estado está fazendo para buscar essas pessoas que não se imunizaram, ou tomaram apenas uma dose, a SES informou que orienta que os municípios estabeleçam estratégias de busca ativa para localizar e vacinar as pessoas que, por algum motivo, já tenham sido chamadas para a vacinação, mas ainda não tenham se vacinado ou não tenham retornado para tomar a segunda dose.

“Aos que têm dificuldade de mobilidade é fundamental que o município ofereça a vacina em sua residência. É necessário também que empregadores liberem seus funcionários para que tomem a segunda dose da vacina. Com essas ações, ganha-se celeridade na vacinação”, pontua a pasta.

Situação de Florianópolis

No fim de agosto, Florianópolis registrou baixa de 1,22% na taxa de cobertura vacinal da população total que recebeu a primeira dose da vacina contra a Covid-19, de acordo com estimativa populacional de 2021, divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) no dia 27 daquele mês.

Conforme o levantamento, baseando-se em dados até 1° de julho de 2021, a Capital passou de 508.826 para 516.524 moradores. Ou seja, um aumento de 7.698 pessoas. Segundo o Vacinômetro da Prefeitura de Florianópolis, a cidade já vacinou 107,43% da população acima de 18 anos.

Com informações do site ND Mais