Principal SEGURANÇA SAMU soma mais de 80 mil atendimentos em seis meses
SAMU soma mais de 80 mil atendimentos em seis meses

SAMU soma mais de 80 mil atendimentos em seis meses

0
0

Nesta semana, a Superintendência de Urgência e Emergência divulgou relatório que abrangeu o quantitativo de chamadas e atendimentos realizados pelo SAMU de Santa Catarina no período da pandemia do Coronavírus – contando do dia 1º de março até o dia 17 de agosto. Ao todo, o SAMU atendeu 80.629 ocorrências que precisaram de envio de veículo: Unidades de Suporte Básico, Avançada e Arcanjo.

As regiões com mais atendimentos nos últimos seis meses foram Grande Florianópolis (mais de 16 mil), Vale do Itajaí (mais de 12 mil), Norte/Nordeste (mais de 12 mil) e Sul do Estado (com mais de 11 mil).

No mesmo período, de março até agosto, o relatório também condensou o número de atendimentos relacionados à Covid-19 e repetiu as macrorregiões com maior demanda. Foram 7.213 ocorrências de Coronavírus registradas nas Centrais de Regulação do dia 27 de março até o dia 12 de agosto.

Destas, 4.347 precisaram apenas de orientação médica por telefone e outras 2.032 necessitaram de envio de ambulância. A regiões que mais utilizaram Unidades de Suporte Avançado para tratamento Covid-19 foi a Grande Florianópolis (com 71 atendimentos) e a Foz do Rio Itajaí (com 58 atendimentos). O SAMU também realizou a transferência de 834 pacientes com coronavírus nestes meses.

Outro dado importante levantado pelo relatório divulgado pela Superintendência é o número de trotes ao serviço, que passou de 10 mil. O Meio Oeste é a macrorregião com o menor número de trotes, enquanto a região de Joinville é a que mais registrou trotes – cerca de 2,5 mil. Em seis meses, o SAMU atendeu quase 170 mil chamadas nas Centrais de Regulação.