Principal GERAL Próximo sábado (10) terá Dia D em Tubarão
Próximo sábado (10) terá Dia D em Tubarão

Próximo sábado (10) terá Dia D em Tubarão

0
0

Finalizada a semana de páscoa no comércio de Tubarão, o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Rafael Gomes Silvério, faz uma avaliação positiva para o setor varejista. Na última semana de março, que antecedeu a Páscoa, as vendas ficaram dentro das expectativas, em relação ao mesmo período do ano passado.

Rafael reconhece que a pandemia ainda segue afetando a economia, mas reforça que os lojistas, em cada estabelecimento, mantiveram a rigidez quanto às normas de higiene e segurança garantido o atendimento dentro de todas as normativas determinadas pelos órgãos de saúde.


A CDL, segundo ele, tem atuado em relação às medidas de proteção junto aos empresários e também com a população em geral, para garantir a segurança e saúde de quem compra no comércio de rua de Tubarão, reforçando os avisos quanto a obrigatoriedade do uso de máscaras, higienização das mãos, respeitando o distanciamento e as demais regras do decreto municipal e estadual.

E seguindo o calendário oficial do Sindilojas do mês de abril, o comércio de Tubarão estará aberto em horário especial no próximo sábado (10), as lojas atenderão até as 17h. A iniciativa, visa oportunizar às pessoas que trabalham durante o dia a opção de um horário alternativo, evitando aglomerações e realizando suas compras com mais comodidade e segurança.

Lixo eletrônico
A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) promoverá, neste sábado até as 17h, a coleta do lixo eletrônico, uma ótima oportunidade para fazer o descarte correto. O Recicla CDL é uma ação que a entidade desenvolve há mais de 10 anos.

A cada edição é considerável a quantidade de material coletado, o ponto de descarte ficará localizado ao lado da Casa da Cidadania.

Vamos preservar o meio ambiente

Você já reparou quantos eletrodomésticos sem uso ou quebrados, tem guardado na sua casa? O quanto de espaço eles ocupam sem o destino correto? Muitas pessoas não sabem o que fazer com estes materiais e onde descartar corretamente.

Os componentes eletrônicos devem passar por uma reciclagem, e tratados de forma que possibilitam a recuperação de seus recursos como os metais base (cobre, latão, alumínio, ferro). A Lei 12.305/2010 estabelece a Política Nacional de Resíduos Sólidos, que prevê o destino ambientalmente responsável destes materiais.