Principal POLÍTICA Processo de impeachment do governador Moisés é oficializado pela Alesc
Processo de impeachment do governador Moisés é oficializado pela Alesc

Processo de impeachment do governador Moisés é oficializado pela Alesc

0
0

O governador Carlos Moisés da Silva (PSL) recebeu na tarde desta quinta-feira (30) a comunicação da abertura do processo de impeachment pela Assembleia Legislativa (Alesc). A notificação foi entregue por volta das 15h20min, pelo primeiro-secretário da Alesc, o deputado Laércio Schuster (PSB).

O secretário de Estado da Administração, Jorge Eduardo Tasca, que também é alvo do pedido de impedimento, assim como a vice-governadora Daniela Reinehr (PSL), também foi notificado sobre o início do processo no Legislativo. O documento foi entregue a Moisés e Tasca no Centro Administrativo do governo do Estado. Em seguida, a comunicação à vice-governadora foi entregue na residência dela, na região continental de Florianópolis.

Com a notificação ao governador e a leitura do rito do impeachment, feita na manhã pelo presidente da Assembleia, Julio Garcia (PSD), começam a contar os prazos para o andamento do processo de impedimento do governador. Os próximos passos do processo de impeachment são a apresentação da defesa do governador, que tem prazo de 10 sessões para enviar as respostas aos questionamentos apresentados no pedido de impeachment.

Ao mesmo tempo, a Alesc atua na formação de uma comissão de nove deputados estaduais que vão analisar o teor do pedido, apresentado pelo defensor público Ralf Zimmer Junior. Não há prazo estipulado para a formação esse grupo. Essa comissão vai elaborar um parecer contra ou a favor do impeachment defendido no pedido, e é esse parecer que será votado em plenário pelos 40 deputados estaduais. Nessa votação, são necessários 27 votos para que a denúncia seja aceita e, com isso, o governador seja afastado temporariamente, por até 180 dias. Caso contrário o processo é arquivado.