Principal Blog Nilton Veronesi Pesquisa analisa situação da covid-19 nas cidades que recebem jogos do Catarinense
Pesquisa analisa situação da covid-19 nas cidades que recebem jogos do Catarinense

Pesquisa analisa situação da covid-19 nas cidades que recebem jogos do Catarinense

0
0

Após a paralisação em virtude da pandemia, a bola vai voltar a rolar no Campeonato Catarinense. Em reunião nesta terça-feira (9), a Federação Catarinense de Futebol (FCF) confirmou o retorno da competição a partir do dia 8 de julho.

Também já foram definidos os horários e dias das partidas de ida das quartas-de-final da competição. Além disso, a FCF destaca que a decisão leva em conta as decisões do governo local e as recomendações sanitárias ao futebol profissional.

“É importante ressaltar que o retorno está completamente atrelado ao cumprimento das normas de saúde e segurança no dia a dia dos clubes e na realização das partidas. Todos estão comprometidos em desempenhar um trabalho rígido visando garantir as condições ideais para a execução das atividades”, revela a nota publicada pela FCF.

O Portal Noticom fez um levantamento do número de casos confirmados, leitos de UTIs utilizados e quantidade de óbitos nos munícipios que vão sediar os jogos da disputa. Chapecó lidera no número de infectados, com 1150 casos confirmados.

Não muito distante, ainda no oeste catarinense, a cidade de Concórdia possui 1015 casos confirmados. É importante destacar que o munícipio está entre os que mais testaram do estado. Foram realizados 9 mil testes, doados pelos frigoríficos, como a multinacional JBS, entre outros da região.

No Norte de Santa Catarina, Joinville possui um elevado número de mortes: no total são 23 óbitos. Do Norte para o Vale, Itajaí é o munícipio que tem o maior número de leitos de UTIs ocupados: 60% estão sendo utilizados, restando somente 40%.

A Cidade Azul possui 95% dos leitos disponíveis, 275 casos confirmados e três óbitos. Confira informações de outras cidades que vão estar recebendo os mata a mata.

Florianópolis
658 casos confirmados
7 mortes
5% de leitos ocupados

Joinville
556 casos confirmados
23 mortes
44% da ocupação de UTIs

Chapecó
1150 confirmados
5 mortes
37% leitos ocupados

Criciúma
457 confirmados
9 mortes

Jaraguá
169 confirmados
3 mortes

Brusque
187 confirmados
Nenhum leito de UTI ocupado

Itajaí
843 confirmados
17 mortes
60% leitos UTIs ocupados

Concórdia
1015confirmados
11 óbitos

Tubarão
275 confirmados
3 mortes
5% leitos UTIs utilizados