Principal SAÚDE Manter a caixa d’água limpa evita doenças
Manter a caixa d’água limpa evita doenças

Manter a caixa d’água limpa evita doenças

0
0

Há quanto tempo você não limpa a sua caixa d’água? A falta de limpeza pode atrair doenças graves como leptospirose, cólera, diarreia e febre tifoide, além de comprometer a qualidade da água tratada que chega na sua residência ou comércio, pronta para o consumo. Conforme recomenda o Ministério da Saúde, os reservatórios devem passar por manutenção de limpeza a cada seis meses  

Para o consumidor, ao abrir a torneira e encontrar a água com coloração alterada, o primeiro pensamento é que ela deve estar chegando na residência daquela forma. “Quando o setor Comercial orienta sobre o procedimento correto, o consumidor na maioria das vezes se assusta. Acreditam que a limpeza uma vez ao ano é suficiente. Outros nem se atentam que a caixa d’água precisa de manutenção”, conta a diretoria da Tubarão Saneamento.

Para entregar a água com qualidade, a Concessionária dos Serviços Públicos de Água e Esgoto da Cidade Azul, a Tubarão Saneamento, realiza diversos testes de qualidade na água, antes da distribuição. Para se ter uma ideia, por mês são realizados mais de 3,4 mil testes, além do monitoramento de 96 pontos estratégicos. “A qualidade da água que chega aos nossos usuários é nossa responsabilidade, mas isso acaba a partir do registro do cavalete. Ou seja, se o usuário não cuida da caixa d’água, todo o investimento em tratamento, higiene e cuidado, é perdido”, explica a diretoria.

Saiba como fazer a manutenção
Para limpar a caixa d’água utilize um balde, dois panos limpos, uma esponja ou escova (não pode ser de aço), uma pá de plástico e água sanitária. Importante não usar sabão, detergente ou outro produto de limpeza.

Um dia antes da lavagem, feche o registro de entrada ou amarre a boia da caixa. Assim, você vai consumir a água da caixa até atingir a quantidade necessária para a limpeza, evitando desperdício. No dia da limpeza, verifique se sobrou água na caixa (um palmo de água é suficiente). Se não sobrou, abra o registro ou desamarre a boia, deixando entrar esta quantidade de água. Novamente feche o registro ou amarre a boia.

Feche todas as saídas da caixa com um tampão ou pano. Lave as paredes e o fundo da caixa com a esponja ou escova. Aproveite para limpar também a tampa da caixa. Abra a saída da caixa (utilize a saída no fundo, se houver), deixando escorrer toda a água de lavagem. Usando o balde e a pá de plástico remova todos os resíduos que restarem. Se necessário, deixe entrar água limpa para retirar a sujeira restante.

Feche novamente a saída de água da caixa e abra o registro ou desamarre a boia, deixando a caixa encher até a metade, fechando a entrada de água em seguida. Adicione água sanitária.

Lave novamente as paredes e o fundo da caixa com auxílio da esponja ou escova. Espere no mínimo 15 minutos para que o cloro da água sanitária tenha o efeito desinfetante na caixa d’água. Abra todas as saídas da caixa e as torneiras da casa, deixando toda a água da lavagem escorrer.

Depois, feche as torneiras da casa e deixe a caixa encher, abrindo o registro ou desamarrando a boia. Para evitar acúmulo de ar no encanamento, abra as torneiras novamente até que escorra água sem ar. Pronto! A operação de limpeza da caixa d’água está concluída. Repita o procedimento daqui seis meses.