Principal Últimas Jovens morrem em acidente em SC e são velados juntos
Jovens morrem em acidente em SC e são velados juntos

Jovens morrem em acidente em SC e são velados juntos

0
0

Garota de 21 anos, noivo dela de 24 anos e primo de 21 anos estavam em carro que foi atingido lateralmente por van na BR-470 em Blumenau. Outra jovem de 21 anos que estava com eles recebeu alta hospitalar nesta segunda.

Os três jovens que morreram no grave acidente entre uma van de turismo e um carro na BR-470 em Blumenau na noite de domingo (27) estão sendo velados juntos em Indaial, cidade onde moravam no Vale do Itajaí. Na tarde desta segunda-feira (28), o Instituto Geral de Perícias confirmou as identidades das vítimas: uma jovem de 21 anos, o noivo dela, de 24 anos, e um primo, de 21 anos.

Eles estavam no carro que se perdeu na BR-470 na noite de domingo, rodou na pista e teve a lateral atingida por uma van de turismo que vinha no sentido contrário. Além das três pessoas que morreram no carro, outra jovem foi para o hospital. Na van, uma Ducato, havia 19 pessoas e 16 delas ficaram feridas.

Nas redes sociais, amigos e familiares lamentaram a mortes dos jovens e informaram que os três estão sendo sepultados juntos em uma capela na localidade de Estrada das Areias, em Indaial, na noite desta segunda. O horário do sepultamento na terça-feira (29) não havia sido detalhado pela família até as 19h.

Alessandra Loch de 21 anos, estava no banco de trás do carro e foi arremessada para fora do Palio, segundo os bombeiros. Quando os socorristas chegaram, ela já estava sem vida. Gabriel Alves de Jesus, 24, noivo de Alessandra, ficou preso às ferragens e também estava sem vida quando os socorristas chegaram ao local.

O primo de Alessandra, o jovem Roger Daniel Nunes Ribeiro Loch, de 21 anos, que dirigia o veículo, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), também ficou preso às ferragens e não resistiu aos ferimentos, morrendo no local do acidente.

No carro também estava outra jovem de 21 anos. Namorada de Roger, ela estava ao lado de Alessandra no barco de trás do veículo. Quando os bombeiros chegaram ao local, ela estava caída na estrada e consciente. A suspeita é que a jovem também tenha sido jogada para fora do carro com o impacto da batida. Ela foi encaminhada ao hospital e recebeu alta na tarde desta segunda-feira (28).

A Polícia Civil informou que até a noite desta segunda-feira a delegacia responsável por acidentes de trânsito não tinha recebido o relatório com os detalhes sobre a colisão, mas que deve apurar o caso.

Os dois veículos colidiram no km 60,9, pouco antes das 23h de domingo. Após perder o controle, o carro rodou na pista e bateu com a parte lateral na frente da van que seguia no sentido contrário, informou o motorista da van aos bombeiros. A pista estava úmida.

De acordo com os bombeiros, na Ducato havia 19 pessoas. O motorista e outras duas pessoas não precisaram de atendimento e outras 16 pessoas, incluindo uma criança de 4 anos, ficaram feridas e foram encaminhadas para atendimento.

Na tarde desta segunda-feira (28), uma ocupante da van, de 34 anos, seguia internada no hospital Santo Antônio de Blumenau fora de perigo. Ela era a única passageira da van internada no local nesta segunda.

Ainda segundo os bombeiros, na van, a maior parte das pessoas se feriu com o deslocamento dos assentos no impacto da batida, mas tanto os bombeiros quanto a Polícia Rodoviária Federal (PRF) não confirmaram se os ocupantes estavam sem cinto de segurança e se havia ou não excesso de passageiros no veículo.

Em colaboração com o site G1 Santa Catarina