Principal Últimas Governo do Estado deve tirar do papel novo acesso de Criciúma ao Balneário Rincão
Governo do Estado deve tirar do papel novo acesso de Criciúma ao Balneário Rincão

Governo do Estado deve tirar do papel novo acesso de Criciúma ao Balneário Rincão

0
0

O governador Carlos Moises confirmou agenda aos presidentes das Associações Empresariais de Criciúma e Içara, para esta terça-feira (6), em que receberá pedido para o Estado custear o projeto de execução do novo acesso Sul ao Balneário Rincão. Estarão do gabinete no centro administrativo Moacir Dagostin e Adriana Mara de Oliveira, respectivamente. Ambos representam a região. O projeto deve ser executado pela Unesc e vai custar pouco mais de R$ 500 mil.

Inaugurada em dezembro de 2017, a Via Rápida ligando a cidade de Criciúma à BR-101 tem trecho de 12,7 quilômetros com 17 viadutos, que custaram cerca de R$ 130 milhões, além de uma grande área de terra indenizada, o que custou pelo menos outros R$ 20 milhões. O investimento total, com mais de R$ 150 milhões é um dos maiores já feitos em infraestrutura, pelo Estado, na região Sul.

A extensão da Via Rápida ligará ao Balneário Rincão, na zona sul da praia mais frequentada pelos criciumenses e que vem se transformando numa espécie de segundo dormitório dos moradores da região dada a proximidade com que a praia ficou da cidade.

Segundo estudo preliminar, diferente do primeiro, o traçado a ser feito para estender a via terá pouca área indenizável e de custo bem inferior por se tratar de terra rural. Além disso o trecho será de pista simples, diferente do que já há, onde são quatro pistas.

Com informações doND Mais