Principal Últimas Em Destaque Estado de alerta: manifesto pede que Tubarão siga rigorosamente medidas de prevenção
Estado de alerta: manifesto pede que Tubarão siga rigorosamente medidas de prevenção

Estado de alerta: manifesto pede que Tubarão siga rigorosamente medidas de prevenção

0
0

O Comitê Consultivo de Combate à Covid-19 de Tubarão decidiu, nesta terça-feira (24), colocar Tubarão e os demais municípios da Amurel em estado de alerta por conta do atual cenário da pandemia do novo coronavírus. A lotação de leitos de UTI e de enfermarias levou os representantes de diversas entidades e órgãos que compõe o comitê a destacar uma série de medidas de prevenção e cuidados para que a população possa enfrentar da melhor maneira possível a situação.

Veja as medidas recomendadas:

1. Sempre que puder, fique em casa.
2. Se precisar sair, use a máscara de forma correta durante todo o tempo de permanência na rua ou em locais públicos.
3. Lave constantemente as mãos e use álcool 70%.
4. Mantenha o distanciamento social.
5. Não entre em locais com muita gente, inclusive supermercados.
6. Evite qualquer tipo de aglomeração, especialmente em frente a bares. O mesmo serve para reuniões em casa com grupos de amigos. Agora é hora de contribuir para a saúde coletiva.
7. Só frequente lugares que estejam adotando as medidas sanitárias exigidas, como uso de álcool 70%, uso de máscaras, distanciamento social, ambiente ventilado e lotação reduzida.
8. Se sentir qualquer sintoma da doença, procure o posto de Saúde mais próximo ou atendimento médico. Caso não sejam sintomas graves, fique em isolamento total em casa.
9. Se realizar qualquer teste da doença, aguarde o resultado em isolamento total em casa.
10. Se for diagnosticado com a doença, cumpra integralmente todo o período de isolamento, mesmo quando os sintomas melhorarem.

Segundo o ofício do Comitê, a Pandemia voltou a níveis preocupantes por conta do relaxamento dos cuidados praticados pela população.

Coforme o documento “o principal motivo do avanço da doença foi o relaxamento no comportamento das pessoas em relação às medidas de prevenção amplamente divulgadas. As pessoas perderam o medo da doença. Muitas pessoas não se importam em contaminar outras pessoas, contanto que se sintam bem. Neste momento, precisamos de união e empatia em prol da saúde e da vida, para passarmos por mais esse momento difícil, e permitindo que as atividades econômicas se mantenham em funcionamento”. 

O documento (em anexo) é assinado por 13 pessoas, entre elas o prefeito de Tubarão Joares Ponticelli, o diretor-presidente da Fundação Municipal de Saúde Daisson Trevisol, além de pesquisadores, de representantes de hospitais e clínicas e outros profissionais da área da Saúde.