Principal GERAL Encontro discute benfeitorias no Centro Histórico de Laguna
Encontro discute benfeitorias no Centro Histórico de Laguna

Encontro discute benfeitorias no Centro Histórico de Laguna

0
0

O vice-prefeito de Laguna, Júlio César Willemann, recebeu na tarde de quarta-feira (18), representantes do Iphan, Acil, Secretaria de Turismo, Fundação Irmã Vera, o vereador Peterson Cripa, que solicitou o encontro, e do comércio lagunense para tratar de benfeitorias no Centro Histórico de Laguna.

Dentre as reivindicações estavam a conclusão da obra do antigo Hotel Rio Branco, o Mercado Público Municipal, a sonorização ambulante e fixa em determinados pontos da cidade, os vendedores ambulantes, lixo e estacionamento.

De acordo com Ana Paula Citadin, responsável pelo Iphan, um auto de infração já foi emitido contra o proprietário do antigo Hotel Rio Branco, que não cumpriu o cronograma da obra, estabelecido desde 2016, onde havia se responsabilizado em promover a reforma, mesmo que de forma gradativa, deixando o prédio, hoje, em total abandono. Segunda Ana Paula, o dono estará ainda esta semana no órgão para esclarecer e definir todas essas questões. O vice-prefeito garantiu que medidas serão tomadas a fim de buscar a regulamentação da obra mediante o Instituto e a prefeitura.

Com relação ao Mercado Público, Ana Paula relatou que o BNDES não está focado tão somente nas irregularidades vinculadas ao Memorial Tordesilhas e que a questão está relacionada a planilha orçamentária onde a prefeitura realiza todos os levantamentos necessários com o objetivo de definir as questões técnicas da obra. Willemann esclareceu que tudo está praticamente formatado e buscará nos próximos dias a definição junto ao BNDES.

No encontro ficou ainda definido que algumas ações serão tomadas, juntamente com as entidades de classe, com o objetivo de solucionar os demais impasses relacionados aos veículos de sonorização e sonorização fixa, da mesma forma relacionada ao lixo e estacionamento.

Foto: Divulgação