Principal Últimas “Deus levou minha vida pra sempre”, diz mãe de menina de 5 anos morta em acidente em SC
“Deus levou minha vida pra sempre”, diz mãe de menina de 5 anos morta em acidente em SC

“Deus levou minha vida pra sempre”, diz mãe de menina de 5 anos morta em acidente em SC

0
0

Foi identificada como Alicia Bindemann Carini, de cinco anos, a menina que morreu vítima de um acidente de trânsito em Rio Negrinho, no Planalto Norte de SC. A criança estava em um carro junto da família quando o veículo foi atingido de frente por outro que invadiu a contramão. Ela foi resgatada ainda com vida e encaminhada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Dezesseis horas após o trágico acidente, pelas redes sociais, Michelle Bindemann, de 39 anos, mãe da menina, se manifestou sobre a morte da filha, que foi retirada de seus braços pelos bombeiros, bastante ferida, para ser levada para atendimento.

Segundo Michelle contou à reportagem do AN, a família viajava de Joinville em direção a um resort em Itá para comemorar o aniversário de 70 anos da avó de Alícia quando o motorista do Punto invadiu a pista contrária.

— Deus levou minha vida embora pra sempre. Um carro invadiu nossa pista, onde viajávamos felizes e com pouca velocidade… e agora tudo acabou. Minha filha, eu só quero ir junto contigo. Você era a minha vida. Sempre vai ser — escreveu Michelle.

Michelle é jornalista e estava no carro com o noivo e padrastro de Alicia, Gustavo Lopes de Souza, e Gabriel, de 10, filho do noivo. Gustavo ficou preso às ferragens e precisou ser desencarcerado. Ele recebeu alta nesta segunda-feira (20).

O menino Gabriel relatou dor na altura do quadril, em virtude do cinto de segurança, e também precisou ir ao hospital, mas já foi liberado, segundo a madrasta. Ainda conforme Michelle, a menina estava na cadeirinha no momento da batida. A mãe, que foi junto com a menina ao hospital, não se feriu gravemente.

Ainda segundo a mãe, inicialmente, a menina viajaria no carro dos avós, que seguia logo atrás, mas como começou a sentir enjoos, foi no carro com ela, junto do padrasto e do filho do homem, enquanto seu irmão mais novo, de 3 anos, foi em seu lugar no veículo dos pais de Michelle.

— No carro de trás, viram todo o acidente — conta.

Com informações do NSCTotal