Principal GERAL Deputado diz que transporte por aplicativo “morre”, mas Associação de Motoristas reage
Deputado diz que transporte por aplicativo “morre”, mas Associação de Motoristas reage

Deputado diz que transporte por aplicativo “morre”, mas Associação de Motoristas reage

0
0

Um fato aconteceu na tarde desta sexta-feira (7), em Tubarão. O deputado Bruno Souza, em nota em um rede social, declarou o fim dos aplicativos de transporte na Cidade Azul.  Nas palavras de Bruno: “A Prefeitura, atendendo os interesses sabe-se lá de quem (já que não há relatos de pedidos de regulamentação por parte dos motoristas e nem dos passageiros), resolveu barrar a inovação, atrapalhar a vida de quem trabalha e tornar tudo pior para quem usa os App’s de mobilidade”, relata na rede social.

O texto publicado começou a ser compartilhado entre a população, viralizando nos grupos  whatsapp. Após o tumulto, a Associação dos Motoristas de Aplicativo de Tubarão e Região (AMATUR) esclareceu que o que foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Tubarão, na última segunda-feira (3), somente regulamenta o transporte por aplicativo no município – não o proíbe. O objetivo é apenas de melhorar a mobilidade urbana, dos trabalhadores e também a segurança dos usuários. 

A decisão contou com a participação de representantes dos motoristas, poder executivo e uma comissão de vereadores de diferentes partidos. 

– “A Lei Municipal recém aprovada, não onera de modo algum a população em relação às tarifas praticadas pelas plataformas de transporte por aplicativo, bem como, não prejudica a prestação dos serviços prestados pelos motoristas; e sim, contribui para maior segurança e previsibilidade deste serviço”, afirma Cristiano de Oliveira, assessor de imprensa.