Principal GERAL Delegacia de Crimes Ambientais abre investigação sobre animais mortos em rituais
Delegacia de Crimes Ambientais abre investigação sobre animais mortos em rituais

Delegacia de Crimes Ambientais abre investigação sobre animais mortos em rituais

0
0

Servidores da Unidade de Vigilância em Zoonoses (UVZ) – da Fundação Municipal e Saúde (FMS) – no bairro Monte Castelo, encontraram na manhã desta quarta-feira (31), ao chegarem para trabalhar, restos de animais que foram sacrificados em rituais comuns nesta época do ano.

A cena, classificada como chocante pelas equipes que atenderam à ocorrência, foi registrada pela Delegacia de Crimes Ambientais, que inclusive abriu investigação sobre o fato. “Algumas religiões ainda utilizam a prática de rituais com animais, e hoje (nesta quarta-feira) tinha um bode e uma cabra sem as cabeças e as patas, e galinhas sem as cabeças, sendo que, por lei, essa prática é considerada crime”, explica a coordenadora da UVZ, Gabriela Nunes Martins.

A Polícia Civil pede aos moradores que, ao se depararem com situações como esta, façam a denúncia, através do telefone 181, ou ainda pelo WhatsApp (48) 98844-0011.