Principal Últimas Carlos Moisés libera recursos para pavimentação da Rodovia da Imigração Italiana, em Pedras Grandes
Carlos Moisés libera recursos para pavimentação da Rodovia da Imigração Italiana, em Pedras Grandes

Carlos Moisés libera recursos para pavimentação da Rodovia da Imigração Italiana, em Pedras Grandes

0
0

Prestes a completar 99 anos de idade, Aldo Felippe nunca perdeu as esperanças de que um dia a pavimentação dos acessos a Azambuja, em Pedras Grandes, começasse a se tornar realidade. Na manhã desta sexta-feira, 6, testemunhou de perto a assinatura do convênio do Governo do Estado com o município para asfaltar 7,6 quilômetros da Rodovia dos Imigrantes.

O governador Carlos Moisés autorizou o repasse de R$ 14,9 milhões para começar a tirar do papel a obra mais esperada da história da comunidade, berço da colonização italiana no Sul de Santa Catarina.

“Além de carros, caminhões, ciclistas e pedestres, passa por aqui toda a nossa história. A pavimentação é mais um capítulo que estamos escrevendo. Desde 2019 temos trabalhado muito para colocar os recursos públicos a serviço dos catarinenses, e aqui temos um exemplo muito claro disso”, afirmou Carlos Moisés.

Importância histórica

Foi pela via, hoje conhecida como Rodovia da Imigração Italiana, que os primeiros colonizadores italianos avançaram em direção ao Sul de Santa Catarina, a partir de 1877. A obra contempla dois trechos ainda não asfaltados entre o distrito de Azambuja e a área central de Pedras Grandes. A execução ficará a cargo da Prefeitura.

O prefeito de Pedras Grandes, Agnaldo Filippi, lembrou que a rodovia é parte indissociável da história do Sul de Santa Catarina. “A pavimentação da primeira etapa é um gigantesco passo para o desenvolvimento da nossa região. Desde os primórdios, no século 19, já se falava da importância da estrada para a Colônia Azambuja. O Estado tinha essa dívida com a comunidade, com a história, com os pioneiros. Hoje é um dia de muita alegria”, declarou Filippi.

“De uma vez por todas”

O morador Aldo Felippe lembra da luta desde os tempos do “nono”, imigrante italiano, e de todos que fizeram parte das décadas de trabalho e espera. A parte termina por aqui. Ele se diz grato ao governador Carlos Moisés e ao prefeito Agnaldo Filippi.

“Agora vamos para frente, se Deus quiser, vamos beneficiar colonos, lavradores e todos nós. Isso é uma graça de Deus, porque já são quantos anos? Entra um prefeito, entra outro, troca de governador, troca deputado, até que chegamos a um ponto agora em que foi acertado de uma vez por todas. Vamos com fé, esperança e amor que vai dar certo”, diz.

Laboratórios de tecnologias para escolas

Durante o ato, o governador e o secretário da Educação, Luiz Fernando Vampiro, anunciaram investimento de R$ 654 mil para aquisição de equipamentos de tecnologia para as escolas da região.

Os recursos foram disponibilizados para a criação de laboratórios de tecnologia em oito unidades escolares do Sul de Santa Catarina, iniciativa que beneficia 4.526 estudantes. Cada escola recebeu 20 equipamentos.

As escolas beneficiadas com os investimentos são a EEB Imaculado Coração de Maria e a EEF Prof. João Batista Becker, em Pedras Grandes; a EEB Santo Anjo da Guarda, em Tubarão; a EEB Bernardo Schmitz, em Sangão; a EEB Luis Felix Barreto, em Imaruí; a EEB Domingos Barbosa Cabral, em Pescaria Brava; a EEB São Ludgero, em São Ludgero; e a EEB Dom Joaquim, em Braço do Norte.

Os atos tiveram a presença dos deputados federais Geovania de Sá e Ricardo Guidi, os estaduais José Milton Scheffer e Volnei Weber, os secretários de Estado Luiz Fernando Vampiro (Educação), Thiago Vieira (Infraestrutura e Mobilidade), Lucas Esmeraldino (Articulação Nacional), Renê Meneses (presidente interino da Santur), presidente da Câmara, Tiago Folchini Masiero, prefeitos de municípios vizinhos, vereadores e moradores.