Principal Blog Nilton Veronesi Bruno, Jessé e Vampiro são os mais econômicos. Carminatti, Luz e Vieira os mais “gastões na Alesc
Bruno, Jessé e Vampiro são os mais econômicos. Carminatti, Luz e Vieira os mais “gastões na Alesc

Bruno, Jessé e Vampiro são os mais econômicos. Carminatti, Luz e Vieira os mais “gastões na Alesc

0
0

Nos primeiros sete meses de mandato, o deputado Bruno Souza (sem partido) bateu a marca de R$ 748.789,96 de economia. O parlamentar renunciou a todos os benefícios que teria direito como as diárias, carro oficial, passagens, escritório parlamentar, café da Alesc, entre outros. Da verba de gabinete, gastou cerca de 1,49% disponível até agosto, cerca de R$ 4.356. “Cada real gasto aqui é um a menos pago pela sociedade. Levanto a bandeira em diminuir o impacto de nossas atividades. O meu compromisso é conter gastos. Não poderia ser diferente no nosso gabinete”, afirma o parlamentar.

O deputado sulista Jessé Lopes, PSL, não deixa por menos. Economizou R$689.249,54 nos primeiros sete meses de mandato. Assim como Bruno, o direitista abriu mão de gabinete de base, máquina de café, carro oficial, indenização de combustível e veículo alugado,, diárias, passagens e plano de saúde. A economia do mês ficou na casa dos R$92 mil. “Existe até uma disputa, na brincadeira com o deputado Bruno. Gasto um pouco mais pois minha residência é no Sul”, contou Lopes.

Destaque positivo também para o emedebista Luís Fernando Vampiro, que abriu mão dos benefícios como diárias, passagens e combustível e desde o começo do mandato economizou mais de meio milhão de reais, como Jessé e Bruno.

Entre os mais “gastões” estão Mauro de Nadal, MDB, que utilizou mais de R$225 mil da verba de gabinete; os petistas , Fabiano Luz e Luciane Carminatti, que utilizaram R$204 mil e R$200 mil, respectivamente e o tucano Marcos Vieira que teve dispêndios superiores a R$192 mil. Dos deputados do sul, Felipe Estevão, PSL, gastou cerca de R$117 mil e Volnei Webber pouco mais de R$127 mil da cota parlamentar.