Principal SEGURANÇA Após denúncias, polícia encontra casa utilizada como ponto para tráfico de drogas
Após denúncias, polícia encontra casa utilizada como ponto para tráfico de drogas

Após denúncias, polícia encontra casa utilizada como ponto para tráfico de drogas

0
0

Na madrugada desta segunda-feira (4), no bairro Passagem, em Tubarão, após uma série de denúncias de moradores e usuários de drogas, a Polícia Militar (PM), por meio do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT), montou um ponto de monitoramento próximo a uma residência. A suspeita era que o imóvel era utilizado para fracionar e armazenar entorpecentes que depois seriam vendidos na Comasa.

A guarnição observou uma jovem, 18 anos, sair da casa, seguida de outra mulher, e vender crack. Durante a abordagem a traficante dispensou um pacote, onde havia 18 pedras, tentou fugir, porém foi detida e, com apoio de uma policial feminina, foi feita uma revista. Foi encontrado R$ 275 em dinheiro, além de um trocado em moedas, embaixo do seu sutiã.

Indagada acerca do dinheiro e da droga, ela admitiu a venda, mas disse que era seu primeiro dia. Segundo seu relato, ela recebia os entorpecentes para revender no imóvel alvo do monitoramento. Diante do flagrante, foi solicitado apoio das demais viaturas para cercar a casa. Um adolescente, de 17 anos, tentou fugir pela janela e pular o muro, mas no desespero bateu com o rosto, caiu e continuou em direção ao outro lado, vindo a quebrar o registro de água e assim a PM conseguiu abordá-lo e realizar sua prisão.

Em seguida, foi pedido que as outras pessoas saíssem da residência. Como não foi atendido, os policiais entraram na casa, onde encontraram outro envolvido, de 18 anos, e apreenderam dinheiro, 125 gramas de crack, divididas em partes individuais e inteiras, potes de bicarbonato de sódio para fazer a mistura, lâminas e papel para fracionar a droga, cinco aparelhos celulares devidamente registrados, uma televisão e uma câmera digital.

O adolescente que tentou fugir e se machucou foi conduzido ao Hospital Nossa Senhora da Conceição e depois dos atendimentos conduzido à Central de Polícia Civil, juntos com os demais suspeitos, que admitiram envolvimento com tráfico. 

Foto: Divulgação