Principal GERAL Filhote de boto morre afogado por rede de pesca em Laguna
Filhote de boto morre afogado por rede de pesca em Laguna

Filhote de boto morre afogado por rede de pesca em Laguna

0
0

Um filhote de boto pescador foi encontrado morto na manhã desta quinta-feira (10), no rio Tubarão, na região de Campos Verdes, em Laguna. A Polícia Militar Ambiental (PMA) recolheu o animal e levou para Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), onde a necropsia foi realizada. A causa da morte foi afogamento, causada por emalhado em rede de pesca.

Os policiais foram acionados por pescadores, que levaram o corpo até a sede da PMA. A suspeita é que o boto tinha entre um a dois anos de idade, de acordo com o professor da Udesc, e membro do Projeto de Monitoramentos de Praia (PMP), Pedro Castilho.

“Há a iminência de que essa espécie (Tursiops truncatus) esteja em estado crítico, correndo o risco de desaparecer do nosso complexo”, revelou o sargento da PMA, Robson Vieira. Além da perda ambiental, quem sobrevive da pesca ficaria sem sustento.

Ao ficarem presos nas redes ilegais, principalmente na saída do rio, eles não conseguem mais subir até a superfície da água para respirar e morrem afogados. Há uma preocupação em torno desse tipo de fatalidade, principalmente nesta época do ano onde a pesca da tainha aumenta.

Também conhecido como boto da tainha, ele ficou conhecido mundialmente por auxiliar os pescadores artesanais a localizar os cardumes de peixes e deram à Cidade Juliana o título de Capital Nacional do Boto Pescador.

Foto: Elvis Palma