Principal GERAL Número de turistas estrangeiros aumenta quase 30% nesta temporada em SC
Número de turistas estrangeiros aumenta quase 30% nesta temporada em SC

Número de turistas estrangeiros aumenta quase 30% nesta temporada em SC

0
0

O turismo em Santa Catarina representa 13% da movimentação econômica do Estado. Este bom momento no setor foi apresentado, nesta terça-feira (3), pela Fecomércio SC, com a Pesquisa Turismo de Verão no Litoral Catarinense 2018. O relatório aponta que o percentual do público estrangeiro mais do que dobrou em relação a 2017, passando de 12,4% para 29%. Os turistas desembolsaram 33,9% a mais que o ano anterior.

Neste ano, o levantamento foi feito em oito cidades catarinenses durante janeiro e fevereiro. Na região da Amurel, Garopaba, Imbituba e Laguna participaram. Os outros municípios foram Balneário Camboriú, Bombinhas, Florianópolis, Porto Belo e São Francisco do Sul.

“O turismo é vital para economia do Estado. Estes números mostram que Santa Catarina tem se tornado cada vez mais atraente, especialmente no exterior. Por isso, vamos continuar com os investimentos em infraestrutura e segurança”, enfatizou o governador Eduardo Pinho Moreira. Os dados são apurados com turistas e empresários desde 2013.

Os estrangeiros que mais visitaram foram os argentinos, com uma fatia de 23,5%. Entre os brasileiros, 71%, o grupo mais representativo é do Rio Grande do Sul, 29,3%, acima inclusive do público catarinense. Conforme o presidente da Fecomércio SC, Bruno Breithaupt, com a pesquisa os empresários e o setor público têm nas mãos uma ferramenta para melhorar o planejamento e a gestão, com uma série de indicadores estratégicos para tomada de decisão.

Mais empregos

A pesquisa mostra ainda que para atender o aumento no fluxo de clientes, 39,4% dos estabelecimentos contrataram funcionários extras, especialmente bares e restaurantes, mercados e supermercados. A admissão foi maior na hotelaria com 63,2%.

O secretário de Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, disse que a pesquisa demonstra a evolução do Estado no setor do turismo. “Este avanço não aconteceu por acaso. Todos os envolvidos – governo, trade, empresário, conselho estadual e outros – focaram muito naquilo que o turista busca encontrar. E assim evoluímos, conseguimos superar outros estados e, ao longo do ano passado, crescemos 6,5% no setor, enquanto o Brasil na média, encolheu”, explicou Pavan.

Foto: James Tavares