Principal SAÚDE Vacinas contra influenza combaterão três tipos de vírus
Vacinas contra influenza combaterão três tipos de vírus

Vacinas contra influenza combaterão três tipos de vírus

0
0

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou na última semana mudanças nas vacinas contra a gripe a serem disponibilizadas em 2018, para combater os tipos de vírus com mais ocorrências, segundo pesquisas. A Campanha Nacional de Vacinação inicia no dia 16 de abril.

As mudanças foram divulgadas no Diário Oficial da União e valem para a vacina trivalente e quadrivalente, conforme prevê a resolução 2.696/2017. As mudanças não significam necessariamente o surgimento de tipos de vírus mais fortes, mas sim que elas atacam os tipos que estão mais predominantes entre os inúmeros existentes.Todo ano a vacina muda conforme o tipo de cepa (do vírus influenza) predominante.

O vírus da gripe sofre muitas mutações ao longo dos anos, quando é uma mutação mais radical é que ocorre aquelas pandemias. As vacinas trivalentes de 2018 terão que conter três tipos de cepas: H1N1 e H3N2 (ambas do vírus influenza A) e um similar ao vírus influenza B. As vacinas tetravalentes deverão conter um vírus similar ao influenza B mais as outras três já presentes na trivalente. O tempo de proteção das vacinas contra a gripe é de seis meses a um ano, por isso é recomendável se proteger todo ano.

Mudanças

Todos os anos, a Anvisa publica resolução com a composição das vacinas contra o vírus da gripe a ser disponibilizada no ano seguinte. A mudança é feita com base em pesquisas e tem o respaldo da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Pública e particulares

As mudanças valem tanto para as vacinas fornecidas pela rede pública, quanto por clínicas particulares. A única diferença é que as particulares disponibilizam também as tetravalentes.

Foto: Marcelo Becker/PMT